09 abril 2006

Making of - Por Deus!!!

por deus
o sonho
acabou.

que venham novos sonhos
a serem sonhados
e despertados
a cada gélido
amanhecer!

6 comentários:

  1. Keila, não sabia que o quero-quero ataca na nuca das pessoas! Quer dizer então que corri risco sem saber... O "cerpúsculo no parque" aconteceu mesmo, sabia?
    Li em algum lugar que o canto deste pássaro, que vive nas margens de lagos e rios, serve de alerta para os seus pares como para os animais de outras espécies. Acho interessantíssimo o comportamento dos animais, fico encantado sempre. Outros poemas meus neste sentido são "o gato", "o cachorro" e "Mindinho", se não me fojem outros à memória.
    Você é sempre bem-vinda no primícias poéticas, Keila, especialmente bem-vinda!
    Um beijo desse seu amigo que até que se esforça pra retrarar a Poesia, humildemente se esforça!
    Té mais!

    ResponderExcluir
  2. Keila, sem que você saiba, sempre te visito com satisfação e expectativa!

    ResponderExcluir
  3. Anônimo13:07

    E eu me pergunto: Como fugistes do sonho?
    Deus, como conseguiste?
    Só isso que me pergunto, pois meus sonhos não se vão, não viram pó... são delírios absurdos, que me machucam, me prendem... me matam!

    ResponderExcluir
  4. Anônimo14:53

    Your are Excellent. And so is your site! Keep up the good work. Bookmarked.
    »

    ResponderExcluir
  5. Anônimo14:57

    Great site loved it alot, will come back and visit again.
    »

    ResponderExcluir
  6. Anônimo14:59

    I'm impressed with your site, very nice graphics!
    »

    ResponderExcluir